Défice comercial fixou-se em 2,7 mil milhões de euros no ano passado.

As exportações de bens aumentaram 5,3% em 2018, enquanto as importações aumentaram a um ritmo superior (mais 8%), engordando o défice comercial em 2,7 mil milhões de euros, revelaram os dados Instituto Nacional de Estatística (INE). Excluindo os combustíveis e lubrificantes, as exportações e as importações cresceram respectivamente 5,5% e 7,6% em 2018 (mais 8,9% e mais 11,4% em 2017). Só em Dezembro, as exportações subiram 7,3%, enquanto as importações aumentaram 7,5%, contribuindo para um défice comercial de 1615 milhões de euros, mais 122 milhões de euros face a igual período do ano passado.

Please Login to Comment.