Easyjet culpa Brexit pela queda de vendas na Europa

Na segunda metade, estamos a assistir a um abrandamento no Reino Unido e na Europa, que acreditamos que provém da incerteza macroeconómica e de muitas questões sem resposta que rodeiam o Brexit. A companhia low cost EasyJet planeava uma perda de receita de 275 milhões de libras (320 milhões de euros) no primeiro semestre do ano fiscal. Ainda assim, espera que a receita para os seis meses, que encerraram em Março, apresente crescimentos de 7,3%, na linha de 2,34 mil milhões de libras (2,73 mil milhões de euros).

Please Login to Comment.