Notícias falsas: preocupação está a tornar as pessoas “mais cuidadosas”

A preocupação pública relativa à desinformação (fake news) está a tornar as pessoas “mais cuidadosas” com as marcas que escolhem e os conteúdos que partilham online. A preocupação relativa às fake news “continua extremamente alta (média de 55% em 38 países) e cresceu de forma significativa no ano passado em alguns países, apesar das tentativas das plataformas e dos governos” no combate à desinformação, refere. Uma das consequências desta preocupação, adianta o Digital News Report, “parece ser uma maior consciência e afinidade com marcas de notícias confiáveis”.

Please Login to Comment.