Cobrança coerciva do Fisco sobe 14,8% até Setembro

Entre Janeiro e Setembro, a cobrança coerciva da Autoridade Tributária atingiu 751,3 milhões de euros. A Autoridade Tributária cobrou 751,3 milhões de euros de forma coerciva, entre Janeiro e Setembro deste ano. Face ao montante que tinha sido apurado, na mesma altura, para 2018, o aumento foi de 14,8%, mostram os dados da conta provisória do Estado.

Please Login to Comment.