Despedimentos da Ryanair na base de Faro abrangem 75 tripulantes

Base de Faro manter-se-á em funcionamento com 55 tripulantes de cabine, todos dos quadros da Ryanair. O processo de despedimento na base de Faro da companhia aérean Ryanair abrange 75 tripulantes. A empresa de trabalho temporário Crewlink, que recruta tripulantes de cabine para a companhia aérea Ryanair, deixará de trabalhar a partir da base de Faro, causando o despedimento de tripulantes que trabalham há mais de dez anos para a empresa. Todos aqueles que não aceitaram as novas condições, foram penalizados durante quatro meses com um corte de 80% no seu ordenado, segundo a lei dos contratos intermitentes.

Please Login to Comment.