Companhias aéreas podem perder 4,6 mil milhões de euros por causa do coronavírus

Organização Internacional da Aviação Civil prevê que, até Março, vai haver uma redução de 6,4 a 19,6 milhões de passageiros em comparação com o que as transportadoras tinham projectado, estimando que as companhias aéreas podem perder cinco mil milhões de dólares (4,6 mil milhões de euros) em receita operacional bruta no primeiro trimestre, devido ao surto do novo coronavírus. Antes do surto do novo coronavírus, designado Covid-19, as companhias aéreas pretendiam aumentar a capacidade em 9% nas rotas internacionais de e para a China, dos três primeiros meses do ano. Cerca de 70 companhias aéreas cancelaram todos os voos internacionais de e para a China continental e outras 50 companhias aéreas reduziram as operações aéreas. Devido a reduções nos viajantes chineses o Japão pode perder 1,29 mil milhões de dólares (1,18 mil milhões de euros) em receita turística e a Tailândia 1,15 mil milhões de dólares (1,05 mil milhões de euros).

Please Login to Comment.