5,5 milhões de pessoas dependem financeiramente do Estado

Pandemia do coronavírus faz disparar o número de portugueses que dependem financeiramente de dinheiro público. Despesa pública tem subido consideravelmente com a multiplicação de apoios públicos face à pandemia. Além dos salários do Estado, há mais subsídios a serem pagos para apoiar os portugueses. A pandemia do coronavírus está a contribuir para um aumento apreciável do número de pessoas com alguma dependência financeira directa do Estado. Neste momento, entre as várias situações de pessoas que recebem pagamentos do Estado, como os trabalhadores do sector privado colocados em layoff e os pensionistas, cerca de 5,5 milhões de pessoas dependem do Estado para viver.

Please Login to Comment.