Bruxelas dá luz verde a Banco Português de Fomento

Instituição vai ter capital de 255 milhões de euros e apoiar inovação, infra-estruturas e competências, incluindo financiamento a projectos públicos. A Comissão Europeia deu esta luz verde à criação do Banco Português de Fomento, instituição que sucederá à Instituição Financeira de Desenvolvimento, com competências alargadas, e que deverá mobilizar parte do financiamento europeu em resposta à crise da pandemia. A Comissão chegou à conclusão que a criação do Banco Português de Fomento é uma solução adequada e proporcional para assegurar financiamento adicional a empresas e projectos que de outra maneira permaneceriam subfinanciados devido a falhas de mercado.

Please Login to Comment.