Estado paga metade das rendas das lojas afetadas pela pandemia da Covid-19

Novo pacote altera prazos das rendas no comércio, fixa regime de retoma progressiva até final de Junho e alarga o acesso aos apoios a fundo perdido. O comércio, incluindo cafés e restaurantes, terá um novo apoio para compensar as rendas pagas em tempo de pandemia. Nas empresas com perdas de faturação acima dos 25%, o subsídio cobre 30% do valor da renda, até 1200 euros por mês. Se as perdas superarem os 40%, o cheque apoia metade da prestação, até dois mil euros por mês.

Please Login to Comment.