Seis bancos portugueses com perdas de 293 milhões em 2020

Os bancos portugueses BCP, CGD, Novo Banco, Santander Totta, BPI e Montepio registaram uma perda líquida agregada de 293 milhões de euros em 2020, contra lucros líquidos de 894 milhões de euros em 2019, refere a DBRS. No entanto, a DBRS afirma que “o impacto teria sido pior sem a intervenção política” e “por enquanto, as medidas de apoio político mitigaram as consequências económicas, protegendo a qualidade dos ativos dos bancos”. Em relação ao crédito malparado, a DBRS refere que os créditos não produtivos (em inglês, ‘non-performing loan’ ou NPL) brutos caíram 22% em 2020, graças às vendas de NPL. Mais de 20% do total de empréstimos em Portugal foi coberto por moratórias em 2020 e a maioria destes empréstimos são de clientes PME.

Please Login to Comment.