Sines recebe investimento até €3,5 mil milhões em megacentro de dados

Investimento de potencial interesse nacional vai criar 1200 postos de trabalho qualificados e pode colocar Portugal no centro da rede de dados europeia. A Start Campus, empresa detida pelos norte-americanos Davidson Kempner (DK) e pelos britânicos Pioneer Point Partners (PPP), vai investir até €3,5 mil milhões na criação de um megacentro de processamento de dados sustentável em Sines. O Sines 4.0 vai ter capacidade até 450 megawatts (MW), o que o tornará um dos maiores centros de dados da Europa. O fundo DK foi um dos que compraram crédito malparado ao Novo Banco, tendo em 2019 comprado a carteira “Nata 2” com um desconto de cerca de 90%.

Please Login to Comment.