Despedimentos coletivos mais do que duplicaram em 2020

O número de despedimentos coletivos mais do que duplicou em 2020, abrangendo um total de oito mil trabalhadores, segundo um relatório divulgado pelo Centro de Relações Laborais. O número de trabalhadores despedidos em processos de despedimento coletivo registou um crescimento expressivo de 107,8% em relação a 2019, o que, em termos absolutos, se traduziu num aumento de 3900 trabalhadores despedidos. No ano passado, o mercado de trabalho teve uma evolução negativa, registando-se uma diminuição de 83 mil pessoas na população ativa e de 97 mil no emprego, ao mesmo tempo que a população desempregada aumentou em 12 mil pessoas.

CategoriasSem categoria