Grupo aéreo IAG reduz perdas no primeiro semestre em 46,3% para 2,1 mil milhões de euros

O grupo aéreo International Consolidated Airlines (IAG), ao qual pertencem a Iberia e a British Airways, anunciou perdas de 2.048 milhões de euros no primeiro semestre, menos 46,3% face aos 3.813 milhões que tinha perdido no período homólogo. As receitas do grupo totalizaram 2.212 milhões de euros, 58,2% menos que no ano anterior. Este aumento é explicado pela disponibilização de empréstimos anteriormente concedidos à British Airways (2.000 milhões de libras; 2.348 milhões de euros) e à Aer Lingus (75 milhões de euros) e por duas novas emissões obrigacionistas de pouco mais de 2.000 milhões de euros. A dívida da empresa ascendia a 12.107 milhões de euros no final do semestre, 24% acima dos 9.762 milhões apurados no final de junho de 2020.

CategoriasSem categoria