Estado alemão vai iniciar processo de saída do capital da Lufthansa

A Lufthansa prevê cortar 22 mil dos 138 mil postos de trabalho a nível mundial. A venda de 5% da participação vai começar de imediato, os restantes 15% serão alienados a seguir. Com a operação da alemã Lufthansa a recuperar, o Estado alemão vai começar a reduzir a participação que assumiu na transportadora, no âmbito da ajuda pública à companhia por causa dos danos provocados pelo impacto da Covid 19 na empresa. O Estado apoiou a companhia com 9 mil milhões de euros. A redução inicial será de 5%. Quando o Estado alemão sair do capital, a Lufthansa poderá voltar a participar em movimentos de consolidação, estando do lado comprador. A companhia alemã tem sido uma noiva potencial da TAP. Antes da pandemia a Lufthansa estava em conversações com a TAP para a aquisição de uma participação.

CategoriasSem categoria

Please Login to Comment.